Detran do Piauí não cobra mais taxa para emissão da CNH digital
09/05/2018 - 9h59 em Novidades

 O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) do Piauí decidiu extinguir a taxa que seria cobrada para a emissão da CNH digital. Enquanto em outros estados o serviço seria gratuito e apenas Goiás cobraria R$ 10, no Piauí o documento custaria mais de R$ 200. O valor foi alvo de críticas nas redes sociais. O órgão informou que se pronunciará apenas por meio de nota.

O Detran informou que, a partir de agora, a emissão da CNH eletrônica ocorrerá sem nenhum ônus para os condutores porque os serviços serão executados pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Pelo menos 100 pessoas, segundo o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), chegaram a solicitar o documento com a cobrança no Piauí. O órgão ainda não informou se essas pessoas poderão pedir ressarcimento.

Detran informou que vai extinguir as taxas para CNH-e (Foto: Lorena Linhares/G1)

O Detran explicou que a emissão do documento eletrônico, mesmo sem a taxa, continua dependendo da renovação ou emissão da CNH física em sua nova versão, com QR Code. Para a emissão da segunda via da CNH física o valor é de R$ 82,25 e para a renovação, R$ 171,08.

Como era

A taxa era de emissão do documento eletrônico era de R$ 207 para categoria A (motociclistas) e R$ 222,07 para as demais categorias. Havia ainda uma cobrança prevista para a renovação do documento, no valor de R$ 153,97 a ser paga a cada cinco anos. No total, o valor para renovação da versão física e da digital custaria R$ 325,05.

O diretor geral do Detran no Piauí, Arão Lobão, havia informado ao G1 que o valor tinha relação com os custos do serviço. O órgão informou que, agora, se pronunciará apenas por meio de nota.

 Fonte: Portal R7

 
 
 
 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!